No Jardim Ponta Grossa

Carro atropela professor durante ensaio de fanfarra

O motorista do veículo, Sidnei de Osti, 60 anos, foi detido e encaminhado à 17ª SDP

Luiz Demétrio, em Tribuna do Norte

 

Um professor de Educação Física foi atropelado, por volta das 14h15 de domingo (5), quando coordenava o ensaio da fanfarra do Colégio Padre José Canale, situado no Jardim Ponta Grossa (região Norte de Apucarana).

Segundo a PM, a via pública estava impedida e devidamente sinalizada com cones quando Sidnei de Osti, 60 anos, veio na direção do professor e dos alunos com o Fiat Prêmio placas AHX-1358 (Apucarana). Relatório da polícia dá conta que ele passou sobre alguns cones de sinalização e em seguida atropelou o professor Derik, que sofreu escoriação.

Em seguida, conforme a polícia, Osti se evadiu do local com o carro e se escondeu em sua residência, na Rua Emílio de Menezes, mas acabou localizado pela polícia.

Quando os PMs tentaram conversar com o condutor do veículo atropelador, ele teria regaido e desacatado os policiais com palavras de baixo calão. Em seguida Osti foi para um quarto da casa e tentou se esconder, mas recebeu voz de prisão e foi necessário o uso da força moderada por parte da polícia para contê-lo.

No quarto onde Osti estava foi encontrada uma carabina sem munição. Ele e a arma foram encaminhados à 17ª Subdivisão Policial (SDP) para as providências legais.

3
Comentário(s)
Publicar
Kelly
18h56m PM
Pois bem só cabe a julgar quem realmente sabe da historia,pois seu Sidnei de osti e meu avô,só que eu não estou vendo escrito ai nessa reportagem que a primeira agressão foi a da professor sem educação,mais e claro que tem xuxu ai,o professor pode dar uns tapa nele e falar o que bem entendeu se ele fosse um homem educado nada disso teria acontecido há o paizinho dele não deu a educação que devia,pois o meu avô poria ter registado um boletim de ocorrência nele também porque ele o ameaçou,e ele nem foi atropelado coisa nenhuma ele sentou no capuz do carro,pro seu Sidney não sai do lugar,há antes que eu esqueça ,policia um olha que eu sei de cada podre,Que prejudicar gente inocente,bem não vale a pena mexer com merda porque fede não estou acobertando ninguém o que ele fez foi errado mas se o Derik fosse educado poderia não ter chegado nisso.
  • Reportar
  • Responder
  • curtir comentário
Cristiane Leão
18h56m PM
Senhor, nossa eu enlouqueci quando li a matéria, se eu fosse mãe de um desses alunos eu bateria tanto nesse homem. Meu filho também ensaia fanfarra e me coloquei no lugar pois esse risco meu filho poderia estar correndo também Veremos como ficará a justiça nesse caso pois sou viúva de uma vítima de acidente de trânsito que ficou muito barato para o motorista pois cometeu uma barbaridade e disseram apenas que era uma imprudência de trânsito.
  • Reportar
  • Responder
  • curtir comentário
Flor
18h56m PM
O veio ficou muito loco, kkkkk
  • Reportar
  • Responder
  • curtir comentário