Você está aqui: Página Inicial / Geral

Publicado em 08 de Julho de 2012, ás 08h46min

Richa libera convênios para pavimentação em 13 municípios

Recursos serão repassados por meio da parceria entre as secretarias de Infraestrutura e Logística e Desenvolvimento Urbano com as prefeituras

AEN, em Tribuna do Norte

Texto
AEN

 

O governador Beto Richa autorizou nesta semana a liberação de R$ 8,7 milhões para obras de pavimentação poliédrica e recuperação asfáltica em 13 municípios do Estado. Os recursos serão repassados por meio de convênio entre as secretarias de Infraestrutura e Logística e Desenvolvimento Urbano com as prefeituras, que oferecem contrapartida financeira equivalente a 20% do investimento total, em média. 

As obras de pavimentação poliédrica serão executadas nos municípios de Chopinzinho, na localidade de Santo Antônio, e Céu Azul, na estrada que liga a BR-277 até Nova União. Nas cidades de Umuarama, Vitorino, Dois Vizinhos, Santo Inácio, Sertaneja, Salto do Lontra e Apucarana vão ser realizadas obras de recuperação e pavimentação asfáltica. 

Arapuã e Santa Terezinha de Itaipu receberão recursos para obras de calçamento com pedra irregular e, em Bocaiúva do Sul, haverá pavimentação de vias urbanas com pedra angular. No trecho da PR-567, entre Araruna e São Lourenço será executada a implantação de interseção em nível. 

OBRAS URBANAS - Desde janeiro de 2011, o governo estadual já repassou R$ 402 milhões em recursos destinados a obras de infraestrutura urbana e equipamentos para os municípios paranaenses. Somente em financiamentos por intermédio do Serviço Social Autônomo Paranacidade foram liberados R$ 284,6 milhões. A maior parte dos recursos tem sido para pavimentação, já que 90% dos municípios do Paraná não possuem estrutura própria para asfaltar ruas. 

Para auxiliar os municípios, o governo liberou, a fundo perdido, R$ 73 milhões para 261 municípios recapearem ruas e avenidas com recursos do programa de Recuperação Asfáltica - Recap. Além de destinar recursos para pavimentação, a Secretaria do Desenvolvimento Urbano e o Paranacidade, em parceria com o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). disponibilizaram R$ 45 milhões para compra de equipamentos rodoviários para a recuperação de vias urbanas e estradas rurais. Este programa deverá beneficiar 70 municípios paranaenses. 

Para o secretário do Desenvolvimento Urbano, Cezar Silvestri, a expectativa é elevar os números atuais de investimentos. “Caso se concretize uma linha de financiamento que a secretaria está pleiteando junto ao BID e mais a receita mensal, esperamos investir, no mínimo, outros R$ 600 milhões nos próximos 18 meses”, afirmou. 

RODOVIAS – Com relação à recuperação de rodovias estaduais, o governo elaborou o Programa Estadual de Recuperação e Conservação de Estradas (PERC), sob a coordenação do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), que investirá R$ 841 milhões em obras nos próximos dois anos. 

O projeto compreende três subprogramas O primeiro está voltado para a conservação de pavimentos, com investimento de R$ 291 milhões. O segundo refere-se à conservação e recuperação descontínua, com investimento de R$ 410 milhões e a terceira parte é destinada à conservação da faixa de domínio, com investimento de R$ 140 milhões. “Com esse programa o governo cobrirá com obras de recuperação e manutenção toda a malha pavimentada do Estado, garantindo melhores condições para o transporte de cargas e ampliando a segurança de todos os que trafegam pelas rodovias paranaenses”, disse o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho. 

Outros recursos, da ordem de R$ 19,5 milhões, serão aplicados em programas de recuperação e modernização da malha estadual, dirigidos especificamente para o setor de segurança e sinalização rodoviária, informa o DER. 

Também estão previstos recursos para a recuperação de pontes, patrulhas rodoviárias e outros projetos para atender situações particulares das estradas paranaenses. O investimento em todos os programas chega a R$ 1,253 bilhão. O DER acompanhará os serviços contratados para garantir o cumprimento dos contratos de restauração e conservação de rodovias. 

Valor dos convênios: 
 
1. Apucarana – R$ 2,77 milhões 
 
2. Arapuã – R$ 100 mil 
 
3. Araruna – R$ 244 mil 
 
4. Bocaiúva do Sul – R$ 156 mil 
 
5. Céu Azul – R$ 1,5 milhão 
 
6. Chopinzinho – R$ 397 mil 
 
7. Dois Vizinhos – 375,6 mil 
 
8. Dois Vizinhos – R$ 800 mil 
 
9. Salto do Lontra – 1 milhão 
 
10. Santa Terezinha de Itaipu – R$ 350 mil 
 
11. Santo Inácio – R$ 240 mil 
 
12. Sertaneja – R$ 220 mil 
 
13. Vitorino – R$ 600 mil

Aviso Importante: O TNonline não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo que sejam postados por "USUÁRIO".

Atenção: Seu comentário passará por um filtro de moderação. O TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site.

Escreva seu comentário

escreva seu comentário

AntiRobo enviar comentário
Seu comentário foi enviado e aguarda aprovação.

Não perca tempo e seja o primeiro a comentar esta notícia.

Últimas Notícias


TnOnline.com.br
Apucarana
Arapongas
Vale do Ivaí
Social
Economia
Esportes
Entretenimento
Geral
Política
Anuncie
TRIBUNA DO NORTE
Você
Política
Cidades
Esportes
Edição Digital
Colunistas
Veículos
Imóveis
Economia
Geral
Tecnologia
Vamos Ler
Safra
Serviços
Direito
Empregos
Selo IVC
© 2000 - 2013 - Todos os direitos reservados à Editora Tribuna do Norte S/A. Este material não pode ser publicado, trasmitido por broadcast, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.
VAMOS LER
Quem Somos
Projetos
Faça Parte
Dicas
Patrocinadores
Nas Escolas
Downloads
GRUPO TRIBUNA
Unidades
Mídia Kit
Fale Conosco
Quem Somos
Social e Ambiental
Trabalhe Conosco
Grupo Tribuna Grafinorte Tribuna Do Norte Jorna da Manhã Tnonline Jmnews Radio Tribuna Projeto Vamos Ler